terça-feira, 9 de setembro de 2008

Quem manda quem é? É o Portas, pois é.



(…)
A deliberação foi aprovada com 100 votos favor e quatro abstenções, facto saudado por Portas depois de explicar aos conselheiros as razões do silêncio que manteve durante um ano sobre a demissão do vice-presidente centrista Luís Nobre Guedes
.” Público

Coitado… do Nobre Guedes, que passou um ano inteiro com Portas a atazanar-lhe os ouvidos:
Volta…
Vá-lá…
Faz isso…
Por favor…
Pelo partido…Pelo país…
Por mim…
Pago-te um café…
Faz a fezada…

2 comentários:

Bernardo Rosmaninho disse...

O post está fantástico e o site também. Achei os artigos excelentes e conto cá voltar... regularmente. Entretanto, os meus parabéns aos autores.

Cumprimentos

Miguel A.Ferreira disse...

Caro Bernardo,

Agradecemos os elogios e esperamos poder contar com mais comentários seus.

Apareça sempre.